Pesquisa Grátis
Esta é a forma mais fácil de encontrar o que você procura neste site.

Como lidar de forma prática com a indisciplina escolar


INDISCIPLINA: Como lidar de forma prática.


Texto Prof Marcos L Souza 
Como lidar de forma prática com a indisciplina escolar

Bem sabemos que a indisciplina dentro da sala de aula por meio dos alunos, é um dos maiores problemas enfrentados pelos professores desde a Educação Infantil até a faculdade. Vários estudos indicam dados alarmantes que tal hábito vem crescendo assustadoramente a cada ano, trazendo consequências horríveis para os profissionais da educação, para a escola, para a sociedade, para a família e para o indivíduo que adota esta prática em sala de aula.

O primeiro a sofrer com a indisciplina é o próprio aluno. O rendimento escolar fica comprometido, na medida em que a sala de aula não é mais um lugar de conhecimento e prazer, baderna e bagunça. As notas automaticamente refletiram o comportamento do mesmo, juntamente com sua moral e conduta que refletiram também seu comportamento. Outra consequência drástica é o comprometimento da aprendizagem do resto da turma. Um aluno indisciplinado geralmente rouba toda a atenção na sala de aula, tirando o foco das outras crianças, além de que muitas delas podem passar a responder também pela indisciplina, já que não conseguem acompanhar a aula.

Quem também sofre com esse tipo de comportamento é o professor, pois a relação com os alunos fica desgastada e, assim, ele encontra cada vez mais dificuldades em exercer seu papel em sala de aula. Isso com certeza se transformará em estresse, desmotivação e até prejudicar seu desempenho.

Quanto a coibir tal comportamento em sala de aula, o professor antes de qualquer coisa deve transmitir autoridade, já que ele é o responsável em pelo ambiente de aprendizado. As propostas de trabalhos e atividades sejam lúdicas ou não, raramente irão surtir o efeito desejado se não houver o comprometimento do aluno em enxergar que ele ali naquele ambiente, não está só e seu comportamento e teimosia em infligir as regras, prejudicará não só ele próprio, mais também todos em sua volta.

O professor não deve tratar todas as ações de maneira uniforme, aqueles que praticaram as mais leves, podem se revoltar e responder pela indisciplina de maneira ainda mais pronunciada.

Na grande maioria dos casos, tais comportamentossão sintomáticos de um desejo por uma experiência escolar mais estimulante. Então devemos observar o princípio mútuo da ajuda. O aluno tem o dever de auxiliar o professor educadamente e não tentar por meio da indisciplina comportamental desestimular o ambiente de aprendizado. Todos devem trabalhar em conjunto para alcançar o bem comum. Acredito que o maior desafio do professor em se tratando de alunos com idade entre (03 a 18 anos), seja ensinar de forma lúdica, atrativa, descontraída, utilizando todos os meios e tecnologias possíveis, artes, mágica, malabarismo, aulas mirabolantes etc, para uma geração que simplesmente não quer se esforçar em aprender, mesmo que o aprendizado seja aplicado de forma saborosa. Que façamos nossa parte como profissionais da educação, sempre torcendo por um futuro melhor, mesmo sabendo que não depende somente de uma classe social para que isso aconteça, mas sim, que possamos sociedade, professores, alunos, escolas, todos trabalharem para um bem comum.

A melhor forma de se tratar a indisciplina escolar é trabalhar em união com todos os envolvidos no processo educacional.


Texto Prof Marcos L Souza 

12.09.2017
  

LIPITIPI®. Artigo criado por Gi Barbosa em . Atividades pedagógicas para turmas de 1° ao 5° ano Atividades e planos de aula para professores do Fundamental I. Classificação: 5

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Complemente esta postagem com suas sugestões. É sempre muito interessante enxergar outras formas de aplicação de determinada proposta ou os muitos pontos de vista de nossas leituras e reflexões.
Esperamos ansiosos sua colaboração!

Fãs Ideia Criativa

Seguidores do Ensino Fundamental

Google+ Badge

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...